top of page
Image by Danilo Batista

BLOG San Matheus

  • Foto do escritorSan Matheus Funerária

5 dicas sobre como preparar a documentação para cremação

Atualizado: 7 de nov. de 2023

O número de pessoas que optam pela cremação cresce cada dia mais - a pandemia acelerou ainda mais as buscas.


Além de possibilitar uma forma diferente de ser “sepultado”, a cremação também é mais econômica que o modo tradicional.


No entanto, para ser cremado é preciso estar atento a alguns documentos importantes e necessários para a realização do procedimento.


Se você quer entender melhor sobre a cremação e os documentos necessários para torná-la possível, fique de olho nas dicas a seguir!

Jazigos no DF

  • ANTECIPE-SE

Se você já decidiu que quer ser cremado, é interessante comunicar à família sobre seu desejo.


Caso queira providenciar tudo antes, basta deixar com sua família uma Declaração de vontade escrita a mão, assinada e com reconhecimento em cartório.


Caso contrário, essa decisão fica a cargo dos parentes de 1° grau.

  • EM CASO DE MORTE NATURAL

Caso alguém da sua família venha a falecer e a família deseje cremar, também é preciso apresentar alguns documentos para tornar isso viável. São eles:

  1. Cópia do CPF, RG, certidão de nascimento ou casamento da pessoa falecida;

  2. Atestado de óbito (assinado por dois médicos diferentes);

  3. Autorização para cremação assinada por parente de 1° grau e por duas testemunhas e com firma reconhecida.

  • EM CASO DE MORTE NATURAL, QUANDO NÃO HÁ PARENTES DE 1° GRAU

É preciso estar muito atento à legislação referente a cremação, pois a documentação para cremação mudam de acordo com a situação. Caso os familiares da pessoa que desejam cremar não sejam: cônjuges, pais, avós, filhos, irmãos ou netos. Então, será preciso obter uma autorização judicial para realizar a cremação. Além disso, também é preciso apresentar:

  1. Cópia do CPF, RG, certidão de nascimento ou casamento da pessoa falecida;

  2. Autorização para cremação assinada por parente de 1° grau e por duas testemunhas e com firma reconhecida.

  3. Autorização judicial do delegado responsável pelo inquérito e do IMLS não se opondo à cremação

  4. Atestado de óbito assinado por médico legista;

  5. Boletim de ocorrência;

  • NEM TODO MUNDO PODE SER CREMADO

A pessoa falecida não pode portar marca-passo, próteses metálicas ou qualquer outro aparelho com pilha ou bateria. Além disso, caso não sejam apresentados os documentos que descrevemos acima, não será possível seguir com a cremação.


Agora que você sabe como preparar a documentção para uma cremação ocorrer, acesse o nosso Blog para ler e conhecer mais sobre diversos assuntos.

 

Em momentos difíceis como a perda de um ente querido, deixe que nos preocupamos com e por você de forma humanizada e profissional.


A funerária San Matheus está sempre disposta a oferecer o melhor serviço funerário. Ficou alguma duvida? Entre em contato conosco e conheça mais sobre o nosso trabalho.


Opmerkingen


bottom of page